A DPO Expert é uma consultoria especializada em LGPD e terceirização de serviços de DPO (Data Protection Officer).

Acreditamos genuinamente que uma boa proteção de dados e segurança das informações é uma vantagem competitiva e uma obrigação de conformidade. Ter uma relação de confiança com seus clientes, parceiros e sua cadeia de suprimentos mais ampla é mais importante do que nunca.

Ao mesmo tempo, não existe uma abordagem única para privacidade e segurança. Uma boa proteção de dados e segurança das informações precisa ser conduzida de modo que esteja alinhada à sua estratégia de negócios.

Por esses motivos, iniciamos todos os compromissos aprendendo o máximo possível sobre sua organização. Perguntaremos sobre o seu tamanho, estrutura, sistemas de gerenciamento, práticas de trabalho, cultura, sua estratégia e objetivos específicos de nosso envolvimento.

Nossos profissionais são multi-disciplinares e especialistas em apresentar as melhores soluções de conformidade para sua empresa.

Orgulhamo-nos de ser transparentes e adotar uma abordagem realista para atender às suas necessidades. Prometemos comunicação aberta, relacionamentos construídos com respeito, honestidade e ética.

Conheça nossos serviços!

Quem Somos - DPO Expert

Vantagens do DPO as a service

• A terceirização reduz custos de salários, encargos trabalhistas e férias.

• Elimina a necessidade de equipamentos e espaço físico

• Elimina custos com treinamento e certificação do DPO

• Equipe de especialistas com experiência em diversas empresas de diferentes segmentos

• A empresa mantém o foco em seu negócio principal

• Elimina o risco de um conflito de interesses do DPO

• Não é necessário haver um suplente para cobrir férias e licenças.

Entenda a LGPD:

O que é a Lei de Proteção de Dados Pessoais?

A Lei Geral de Proteção de Dados Pessoais, Lei 13.709 promulgada em 14 de Agosto de 2018, determina que todas as empresas que tratam dados pessoais, sejam de clientes ou funcionários, deverão adotar medidas para a proteção e confidencialidade (privacidade) desses dados.

O que são Dados Pessoais?

O conceito de dado pessoal é bastante abrangente, sendo definido como a “informação relacionada a pessoa identificada ou identificável”. Isso quer dizer que um dado é considerado pessoal quando ele permite a identificação, direta ou indireta, da pessoa natural por trás do dado, como por exemplo: nome, sobrenome, data de nascimento, documentos pessoais (como CPF, RG, CNH), endereço residencial ou comercial, telefone, e-mail, cookies, endereço IP, e outros.

O que é tratamento de dados?

Tratamento de dados inclui toda operação realizada com dados pessoais, como: a coleta, produção, recepção, classificação, utilização, acesso, reprodução, transmissão, distribuição, processamento, arquivamento, armazenamento, eliminação, avaliação ou controle da informação, modificação, comunicação, transferência, difusão ou extração.

Todas as empresas serão afetadas e deverão se adequar as novas regras?

Sim, toda empresa que faz algum tipo de tratamento de dados pessoais, inclusive de funcionários, deve se adaptar. É considerado tratamento de dados o cadastro de cliente, geração de folha de pagamentos, envio de cobrança para instituições financeiras e uma infinidade de outras situações, de modo que praticamente todas as empresas precisam se adequar a LGPD.

Toda empresa deve ter um DPO (Data Protection Officer)?

Sim. De acordo com o artigo 41 da LGPD (Lei Geral de Proteção de Dados), todo aquele que trata dados pessoais para fins econômicos deverá indicar um encarregado (DPO), que será o responsável por implantar a cultura de proteção de dados pessoais na empresa e servir de elo de ligação entre o controlador, a Autoridade Nacional e os titulares dos dados. Futuramente a ANPD (Agência Nacional de Proteção de Dados) poderá criar critérios para dispensa desta obrigatoriedade.